A educação infantil e a criança com deficiência: desafios e possibilidades

Adriana Cunha Padilha

Resumo


A Infância e a Educação Infantil são temas importantes, que despertam discussões e enfoques diferenciados no tocante às crianças que apresentam deficiências. Os enfoques englobam desde questões biologicistas, psicológicas, assistencialistas, até enfoques ligados à escolarização das crianças de 0 a 6 anos. Esse estudo reflete sobre a permanência e escolarização de uma aluna com deficiência física matriculada em uma escola regular de ensino de Educação Infantil. O método utilizado foi a aprendizagem colaborativa em rede com base em situações do cotidiano escolar. Os resultados apontam para a importância da Educação Infantil na vida dessa criança, existindo possibilidades para promover tanto o acesso quanto a sua permanência no espaço da Educação Infantil regular. Para que esta aluna seja acolhida, necessita-se que os objetivos sejam bem delimitados, requerendo disponibilidade e articulação entre todos os profissionais envolvidos no processo.

 


Palavras-chave


Deficiência física. Educação infantil. Escola regular.

Texto completo:

PDF

Referências


Bolsanello, M.A. Interação mãe-filho portador de deficiência: concepções e modo de atuação dos profissionais em estimulação precoce. Tese (Doutorado) - Instituto de Psicologia, Universidade de São Paulo, São Paulo, 1998.

Braccialli, L.M.P. Influência da utilização do mobiliário adaptado na postura sentada de indivíduos com paralisia cerebral espástica. 2000. Tese (Mestrado) - Faculdade de Educação Física, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2000.

Brasil. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília: Senado, 1988.

Brasil. Lei nº 9.394, 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, 23 dez. 1996. Seção 1, p.27833.

Brasil. Decreto nº 3.298, de 20 de dezembro de 1999. Regulamenta a lei nº 7.853, de 24 de outubro de 1989, dispõe sobre a política racional para a integração da pessoa portadora de deficiência, consolida as normas de proteção, e dá outras providências. Diário Oficial da União, 21 dez. 1999. Seção 1, p. 10.

Brasil. Ministério da Educação. Educação infantil: saberes e práticas da inclusão. Brasília: MEC, 2006.

Brasil. Secretaria Especial dos Direitos Humanos. Coordenadoria

da Integração da Pessoa com Deficiência. Convenção sobre os direitos da pessoa com deficiência. Brasília: SDH, 2007.

Brasil. Política nacional de educação especial na perspectiva da educação inclusiva. Brasília: MEC, 2008.

Bersch, R. Tecnologia assistiva e educação inclusiva. In: Bersch, R. Ensaios pedagógicos. Brasília: MEC, 2006. p.89-94.

Bruno, M.M.G. A construção da escola inclusiva: uma análise das políticas públicas e da prática pedagógica no contexto da educação infantil. Ambiente Educação, v.1, n.2, p.57, 2008.

Bueno, J.G.S.; Meletti, S. Escolarização de alunos com deficiência: uma análise dos indicadores sociais no Brasil (1997-2006). In: Reunião Anual da Anped, 33., 2010, Caxambu. Anais... Rio de Janeiro: Anped, 2010. p.15.

Buscaglia, L. Os deficientes e seus pais. Rio de Janeiro: Record, 2006.

Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais. Censo escolar da educação básica. 2007. Disponível em: . Acesso em: mar. 2012.

Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais. Censo escolar da educação básica. 2008. Disponível em:

. Acesso em: mar. 2012.

Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais. Censo escolar da educação básica. 2009. Disponível em:

. Acesso em: mar. 2012.

Kramer, S. O papel social da educação infantil. Revista Movimento, 2008. Disponível em: . Acesso em: mar. 2012.

Mazzotta, M.J.S. Fundamentos de educação especial. São Paulo: Pioneira, 1982.

Mizukami, M.G.N. Casos de ensino e aprendizagem profissional da docência. In: Abramowicz, A.; Mello, R.R. (Org.). Educação: pesquisas e práticas. Campinas: Papirus, 2000. p.139-161.

Rotta, N.T. Paralisia cerebral: novas perspectivas terapêuticas. Jornal de Pediatria, v.78, supl., p.S48-S54, 2002.

Sartoretto, M.L.; Bersch, R.C.R. A educação especial na perspectiva da inclusão escolar: recursos pedagógicos e comunicação aumentativa e alternativa. Brasília: MEC, 2010.

Vygotsky, L.S. A formação social da mente. Rio de Janeiro: Martins Fontes, 1988.




DOI: https://doi.org/10.24220/2318-0870v18n1a1898

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista de Educação PUC-Campinas

ISSNe 2318-0870 (eletrônico)
ISSN 1519-3993 (impresso)

Este site é melhor visualizado utilizando navegador gratuito Firefox.