Holambra: a construção da imagem em uma cidade turística

Sergio Moraes Rego Fagerlande

Resumo


Este trabalho se insere em pesquisa a respeito de turismo e cidades no Brasil e resulta de uma tese de doutorado sobre cidades turísticas já concluída. Foram estudados os municípios de Gramado (Rio Grande do Sul); Penedo (Rio de Janeiro); e Holambra (São Paulo); pequenas cidades fundadas como colônias estrangeiras no país onde a tematização e a cenarização foram utilizadas para a construção de imagens de cidades europeias como atrações turísticas. O estudo se deu a partir de autores como John Urry, que estuda como o olhar do turista se relaciona com a cidade e suas transformações, Dean MacCannell e seu conceito de autenticidade encenada, Rob Shields que estuda a construção da imagem de lugares, Mark Gottdiener o qual traz o conceito de tematização e Maria da Glória Lanci Silva, mostrando a cenarização de cidades turísticas. O estudo sobre Holambra apresentado neste artigo se baseou no entendimento da história de sua formação inicial e como vem se dando o processo ligado ao turismo através de sua arquitetura e forma urbana, a partir de autores como Nair Scafon, Domingos Biondi e colaboradores, Jan Van den Broek e Telma Batalioti Galli. Antiga colônia fundada por holandeses em 1948, essa pequena cidade vem passando por um processo de transformação ligado ao incentivo governamental às atividades turísticas, fruto da busca por alternativas para sua economia baseada na agricultura e no cultivo de flores. A partir de sua maior atração, a Expoflora, a maior exposição de flores do País, vem sendo estimulada a construção de sua imagem holandesa na arquitetura, em eventos e na criação de atrações turísticas, como um pórtico e um moinho em estilo holandês.

PALAVRAS-CHAVE: Cenarização. História das cidades. Holambra. Tematização. Turismo.


Palavras-chave


Cenarização. História das cidades. Holambra. Tematização. Turismo.

Texto completo:

PDF

Referências


BIONDI, D.S.; TRISTÃO, J.A.M.; VIÉGAS, R.F. Cooperativismo e desenvolvimento local: o caso de Holambra.

Revista Pesquisa em Debate, v.4, n.2, p.1-19, 2007. Disponível em: <http://74.125.155.132/

scholar?q=cache:X5wW3iRHcvEJ:scholar.google.com/+holambra+turismo&hl=pt-BR&as_

sdt=2000>. Acesso em: 29 jan. 2010.

BROEK, J. Holambra: sonhos, lutas e vitórias. História de um projeto bem-sucedido. Campinas:

Editora Setembro, 2008.

DOMINGOS, E. Em terra distante, a construção de um sonho. Revista Setembro, Holambra, v.10,

n.10, p. 4-23, 2008.

ESTÂNCIAS TURÍSTICAS DE SÃO PAULO. Portal Cidades Paulistas. São Paulo: Opy, 2010. Disponí-

vel em: . Acesso em: 6 set. 2010.

FOLHETO GARDERN CENTER. Holambra: Raízes Propaganda, 2010.

GALLI, T.B. Uso do território e fronteiras internas: o caso da proposta de redesenho fronteiriço do município

de Holambra (SP). Tese (Doutorado em Ciências, Análise Ambiental e Dinâmica Territorial)

— Instituto de Geociências, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2009.

GOTTDIENER, M. The theming of America:American dreams, media fantasies and themed environments.

nd ed. Cambridge, MA: Westview, 2001.

GUIA COMPLETO DE HOLAMBRA, 2010. Disponível em .

Acesso em: 27 jan. 2010.

GUIA QUATRO RODAS BRASIL 2010. São Paulo: Editora Abril, 2009.

GOVERNO DE SÃO PAULO. Turismo em Holambra. São Paulo: Governo de São Paulo, 2010. Disponível

em: . Acesso em: 21 set. 2010.

HOLAMBRA. Lei Orgânica do Município de Holambra, nº 001/2000. Holambra: Prefeitura da Estância

Turística de Holambra, 2007.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Cidades IBGE, 2010. Rio de Janeiro:

IBGE. Disponível em: . Acesso em: 9 de setembro de 2010.

MacCANNELL, D. The tourist: A new theory of the leisure class. Berkeley; University of California

Press, 1999.

MUSEU HISTÓRICO DE HOLAMBRA. Grupo de dança folclórica [195-]. Holambra: [s.n.], 2012.

PREFEITURA MUNICIPAL DE HOLAMBRA. 60 anos de imigração holandesa em Holambra. Artur

Nogueira: Esperança Produtos Audiovisuais, 2008.

SHIELDS, R. Places on the Margin: Alternative geographies of modernity. London: Routledge, 1992.

SILVA, M.G.L. Cidades turísticas: identidades e cenários de lazer. São Paulo: Aleph, 2004.

SCAFON, N. Holambra: como nasce uma cidade. [S.l.: s/n.]. Disponível em: <http://www.cidade.

usp.br/educar202/modulo1/alunos/nair.scafon/0004/upload_anotacao/HOLAMBRA.doc>. Acesso

em: 5 set. 2010.

URRY, J. O olhar do turista. São Paulo: Studio Nobel, 2001.




DOI: https://doi.org/10.24220/2318-0919v13n2a2900

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Oculum Ensaios

ISSNe 2318-0919 (eletrônico)
ISSN 1519-7727 (impresso)

Este site é melhor visualizado utilizando navegador gratuito Firefox.