Queremos produção ou criação de conhecimento na América Latina?

Ana Luz Quintanilla-Montoya

Resumo


A América Latina confronta-se hoje em dia com uma ampla problemática que não se limita à situação política de seus governos, mas sim à situação em que se encontram suas sociedades. O atraso no âmbito educativo inclui a situação que mantém a atividade da ciência e o desenvolvimento tecnológico. Tanto nas Universidades Públicas como nos Centros de Pesquisa financiados pelos Conselhos de Ciência e Tecnologia (CCYT) (CCET) dos diferentes países que formamos a região, deixou-se de lado o compromisso social e cultural de contribuir com a organização de horizontes do futuro no âmbito da pesquisa científica, restando importância à formação de recursos humanos, a dedicar mais e de melhor qualidade, tempo para o preparo das matérias que se ministram nos diferentes níveis de educação (licenciatura e pós-graduação); nós os pesquisadores temos dedicado a estar “publicando” nas chamadas “revistas internacionais, indexadas de alto impacto”, que exigem os nossos avaliadores.

Texto completo:

PDF

Referências


BARCINSKI, M.A. Disruption to science in developing countries. Nature, n.423, p.480, 2003.

CEBALLOS, D. América Latina: ciencia y tecnología, avances insuficientes. Tierramérica, 19 feb.

Disponible en: .

Acceso en: 22 mayo 2008.

DECIPHERING impact factors. Nature Neurosci, v.6, n.783, 2003. doi:10.1038/nn0803-783

GARFIELD, E. Quedaría: Garfield E. 1999. Disponível em: <http://www.garfield.library.upenn.edu/

index.html>. Acceso en: 22 mayo 2008.

LEON-SARMIENTO, F.E.; LEON-S, M.A.; CONTRERAS, V.A. El impacto del factor de impacto: ¿mito

o realidad? Colombia Médica, v.38, n.3, 2007.

QUINTANILLA-MONTOYA, A.L. La Ciencia y su producción de conocimiento en América Latina.

Investigación Ambiental, v.2, n.1, p.75-84, 2010.




DOI: https://doi.org/10.24220/2318-0919v11n1a2278

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Oculum Ensaios

ISSNe 2318-0919 (eletrônico)
ISSN 1519-7727 (impresso)

Este site é melhor visualizado utilizando navegador gratuito Firefox.