A obra de José Sidrim: arquitetura pragmática no início do Século XX em Belém, Pará

Rafaela Verbicaro Pacheco, Cláudia Carvalho Leme Nóbrega

Resumo


Durante o chamado Ciclo da Borracha, em Belém do Pará, Norte do Brasil, o arquiteto cearense José Sidrim desenvolveu diversos projetos na cidade, tendo sido reconhecido por suas residências. Sua obra já foi anteriormente relacionada com o movimento eclético difundido na Europa no século XIX e no Brasil no final deste século e início do século XX, época coincidente, em Belém, com o Ciclo da Borracha. Nesse contexto, é intenção deste artigo analisar a residência de Guilherme Paiva, projetada pelo arquiteto em questão, em busca de aspectos pragmáticos relacionados à distribuição de ambientes, fluxo, circulação e conforto ambiental. Busca-se também estabelecer uma relação dessa composição com a teoria desenvolvida pelo arquiteto e teórico francês M. Leonce Reynaud, em seu “Traité d’architecture”, uma vez que uma cópia dessa publicação foi encontrada na biblioteca particular de José Sidrim. Pretende-se, portanto, verificar a presença de alguns aspectos mencionados no tratado de Reynaud nessa obra do arquiteto brasileiro.

PALAVRAS-CHAVES: Arquitetura residencial. José Sidrim. M. Leonce Reynaud. Pragmatismo na arquitetura.


Palavras-chave


Arquitetura residencial. José Sidrim. M. Leonce Reynaud. Pragmatismo na arquitetura.

Texto completo:

PDF

Referências


COLLINS, P. Los ideales de la arquitectura moderna: su evolución (1750-1950). Barcelona: Gustavo

Gilli, 1970.

DERENJI, J.S. A arquitetura eclética no Pará no período correspondente ao ciclo econômico da borracha:

a 1912. In: FABRIS, A.T. (Org.). Ecletismo na arquitetura brasileira. São Paulo: Nobel,

p.147-175.

KRUFT, H.W. A history of architectural theory from vitruvius to the present. New York: Princeton

Architectural, 1994.

LASSANCE, G. Ensino e teoria da arquitetura na França do século XIX: o debate sobre a legitimidade

das referências. In: OLIVEIRA, B. et al. (Org.). Leituras em teoria da arquitetura. Rio de Janeiro:

Viana & Mosley, 2009. p.93-111.

MATOS, A.L.N. O ecletismo na arquitetura residencial de José Sidrim: uma análise da formação intelectual

deste engenheiro-arquiteto e suas obras residenciais. 2003. Dissertação (Mestrado) — Universidade

Federal do Pará, Belém, 2003.

PUPPI, M. Léonce Reynaud e a concepção teórica do ecletismo no Rio de Janeiro. 19&20, v.3, n.2,

Disponível em: <http://www.dezenovevinte.net/arte%20decorativa/ad_mpuppi_reynauld.

htm>. Acesso em: 8 dez. 2011.

SARGES, M.N. Belém: riquezas produzindo a Belle Epoque (1870-1912). 3.ed. Belém: Paka

Tatu, 2010.




DOI: https://doi.org/10.24220/2318-0919v10n1a1930

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Oculum Ensaios

ISSNe 2318-0919 (eletrônico)
ISSN 1519-7727 (impresso)

Este site é melhor visualizado utilizando navegador gratuito Firefox.