Ramos de Azevedo e seu projeto de posturas para uma nova Campinas

Ana Maria Reis de Góes Monteiro

Resumo


A partir dos anos setenta do século passado, pode-se observar na região de Campinas, a consolidação definitiva do complexo cafeeiro, abrangendo a produção, o transporte, a comercialização, os serviços financeiros, além de inúmeras atividades correlatas. Porém, a realidade urbana daquela cidade era bastante distinta do seu progresso economico. Suas ruas eram sujas, emburacadas e sem calçamento, sendo constante as críticas a essa situação.

Texto completo:

PDF

Referências


BADARÓ, R. de S. C. Campinas, o despontar da modernidade. Campinas, Área de Publicações CMU/UNICAMP, Coleção Campiniana,1996.

BEGUIN,F. As maquinarias inglesas do conforto. Revisto Espaço & Debates - Cidade e História, São Paulo, n.º 34, ano XI, p. 39-54, 1991.

CARVALHO, M. C. W. de. Ramos de Azevedo. São Paulo,Editora do Universidade de São Paulo, série Artistas brasileiros,2000.

SALGADO, I.Urbanismo sanitarista em Campinas no final do século XIX. Projeto Integrado CNPq "A evolução urbana de Campinas";Relatório Final, FAU/PUC-Campinas,1992.

LAPA,J. R. do A.A Cidade: Os Cantos e os Antros: Campinas 1850 - 7900. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo,1996.

LEMOS, C.A.C. Cozinhas, etc.-Um estudo sobre as zonas de serviço do Caso Paulista. São Paulo: Editora Perspectiva,1976.

LEMOS, C. A. C. Ramos de Azevedo e seu

escritório. São Paulo,Editora Pini, 1993.

LEMOS, C. A. C. A República ensina a morar (melhor). São Paulo: Hucitec,1999.

MONTEIRO,A. M. R. de G. Ramos de Azevedo­ Presença e atuação profissional Campinas - 1879- 1886. Campinas, Dissertação, FAU/PUC­ Campinas, 2000.

ROLNIK, R. A cidade e o lei legislação, político urbana e territórios na cidade de São Paulo. São Paulo, Studio Nobel, Fapesp, 1997.

SEMEGHINI, U. C. Do café à Indústria: Uma cidade e seu tempo. Campinas, Editora da UNI­CAMP, 1991.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Oculum Ensaios

ISSNe 2318-0919 (eletrônico)
ISSN 1519-7727 (impresso)

Este site é melhor visualizado utilizando navegador gratuito Firefox.