Doença de Castleman: hiperplasia com aspectos de neoplasia

Thamy Yamashita, Amilcar Castro de Mattos, Maria Cristina Furian Ferreira, Marcelo Alvarenga

Resumo


A doença de Castleman pode apresentar uma grande variedade de comportamentos biológicos, cada qual com tratamento e prognóstico distintos. Geralmente, há associação entre a microscopia, a apresentação clínica e o prognóstico do indivíduo. Clinicamente essa doença é dividida em forma unicêntrica e multicêntrica, havendo na primeira a possibilidade de se obter a cura por meio da excisão cirúrgica, enquanto a forma multicêntrica tem um prognóstico mais reservado em longo prazo. É descrita uma apresentação atípica com evolução clínica indolente e de bom prognóstico. São discutidos, também, conceitos atuais sobre a doença de Castleman e importantes diagnósticos diferenciais relacionados a ela.

Termos de indexação: doença de Castleman; hiperplasia angifolicular; neoplasias; síndrome POEMS.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista de Ciências Médicas

ISSNe 2318-0897 (eletrônico)
ISSN 1415-5796 (impresso)

Este site é melhor visualizado utilizando navegador gratuito Firefox.