Ciência e Fé Cristã: tensão e diálogo

Newton Aquiles von Zuben

Resumo


Os conceitos ciência e fé ou razão e fé são alvos, desde o início da civilização ocidental cristã, das mais variadas abordagens, análises críticas antagônicas, de variadas complexidades e intenções. Ambos os conceitos, não sendo afetados de univocidade, exigem um esforço hermenêutico. Esforço este que tem conduzido os estudos focados na visão acurada de seus significados em uma perspectiva diacrônica e, atualmente, em uma visão sincrônica. Esse estudo tenta sugerir uma leitura compreensiva dos conceitos considerados como atitudes humanas ancoradas no existir concreto do humano, rejeitando qualquer extremismo ou apologias dogmáticas. Quanto às possíveis articulações, argumenta em favor de uma tensão mantida por avaliação epistemológica recíproca constante propiciando, assim, o objetivo do estudo: uma linha vetorial para um aprofundamento das questões epistemológicas envolvidas e provocadas, mediadas pela reflexão filosófica, em sua dimensão crítica no sentido forte do termo.


Palavras-chave


Acompanhamento simbólico. Ciência. Fé. Tensão.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.24220/2525-9180v2n22017a4267

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Cadernos de Fé e Cultura

ISSNe 2525-9180 (eletrônico)

Este site é melhor visualizado utilizando navegador gratuito Firefox.