Primeiro registro de ocorrência de cestódeos da família Bothriocephalidae Blanchard, 1849 (Pseudophyllidea), parasitando Cichla monoculus (Cichlidae) nas lagoas da Fazenda Rio das Pedras, Campinas (SP)

Maria Isabel Müller, Rubens Riscala Madi, Marlene Tiduko Ueta

Resumo


No período de junho de 2005 a setembro de 2006, foram realizadas coletas mensais de tucunaré Cichla monoculus nas lagoas da fazenda Rio das Pedras, município de Campinas, para o estudo da fauna helmintológica. Foram coletados 38 peixes, os quais foram levados para o laboratório de Helmintologia do Departamento de Parasitologia, Instituto de Biologia da Universiade Estadual de Campinas, onde foi feita a biometria e a necropsia segundo procedimentos padrões de pesquisa e coleta de parasitas. Foram encontrados cestódeos adultos da espécie Bothriocephalus cuspidatus parasitando o intestino, com prevalência 5,3%, intensidade média de infecção de 2 vermes/peixe e abundância média de 0,10. Em concomitância com este pseudofi lídeo estava o proteocefalídeo Proteocephalus microscopicus, comum em Cichla sp. Até o presente momento, esta espécie de pseudofi lídeo (B. cuspidatus) não foi descrita em Cichla monoculus, sendo esse o primeiro registro de ocorrência deste parasita em tucunarés.

Palavras-chave: Bothriocephalidae (Pseudophyllidea). Bothriocephalus cuspidatus. Cestódeos. Cichla monoculus.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Bioikos

ISSNe 2318-0900 (eletrônico)
ISSN 0102-9568 (impresso)

Este site é melhor visualizado utilizando navegador gratuito Firefox.